Como economizar e perder peso ao mesmo tempo?
< Voltar para Dicas Úteis - Dicas Úteis
2470 pessoas já leram essa notícia  

Como economizar e perder peso ao mesmo tempo?

SÃO PAULO - Economizar e perder peso estão entre as resoluções mais freqüentes entre as mulheres (e homens também). Se você tem esses objetivos em mente, vale conferir as dicas abaixo, que podem ajudá-la a alcançar esse objetivo duplo. Seu corpo e seu
orçamento certamente irão agradecer.

A regra básica para alcançar o sucesso é a de fazer, você mesma, coisas que, por falta de tempo ou interesse, acaba pagando para que outras pessoas executem em seu lugar. É bem verdade que, diante de uma agenda bastante apertada, a perspectiva de adicionar mais tarefas ao seu dia-a-dia parece no mínimo desanimadora.

Porém, quando você perceber os benefícios na sua conta bancária e na sua cintura, certamente vai se sentir mais motivada. É claro que o seu tempo também tem preço. Portanto, a idéia aqui não é fazer com que deixe de realizar o que gosta, ou pelo que você é remunerada, em favor de tarefas pelas quais não se interesse ou que não lhe oferecem benefício.

É preciso se reeducar

Não há como negar que queimar calorias e adotar uma dieta mais saudável são medidas fundamentais na guerra contra o excesso de peso. Trata-se de um processo que envolve uma revisão de hábitos ou, como os especialistas gostam de chamar, um processo de reeducação.

A intenção não é acabar com as poucas horas de tranqüilidade que você tem depois do serviço, mas sim ajudá-la neste processo de reeducação. Se você não tem tempo para a academia, sente-se cansada para acordar cedo e correr, é possível incluir algumas tarefas domésticas no seu dia-a-dia que contribuam para diminuir seu sedentarismo, e que, ao mesmo tempo, possibilitem alguma economia de dinheiro. Então, por que tanta relutância?

Metas devem ser atingíveis

Em geral, o recomendável para se manter o corpo saudável é praticar exercícios regulares por pelo menos uma hora todos os dias, o que, dependendo da intensidade do exercício, permitiria a queima de algo entre 100 e 400 calorias.

Como não existe nada mais regular do que a prática de serviços de manutenção da sua casa, do seu carro etc, basta um pouco de esforço e rapidamente você consegue estabelecer uma lista de tarefas que poderá assumir sem grandes dificuldades.

Contudo, assim como no caso da poupança programada, de nada adianta você estabelecer metas muito drásticas, porque logo irá abandoná-las. Seja realista e comece aos poucos, e à medida que for se sentindo mais preparada, aumente a carga das tarefas e, conseqüentemente, das economias.

Faça você mesma

A sociedade moderna nos trouxe confortos que acabam facilitando a nossa vida mas que, por outro lado, incentivam o sedentarismo. Exemplos disso não faltam. Há tempos que dirigir nos grandes centros urbanos se tornou sinônimo de stress e nervoso.

Por que não trocar a meia hora que você perde procurando uma vaga em estacionamento do shopping por uma caminhada rápida a alguma loja de bairro? Enquanto na ida ao shopping você se desgasta com tanta fila e aglomeração, a alternativa de visitar as lojas de bairro pode fazer bem à sua saúde e ao seu bolso. Os médicos estimam que seja possível queimar 270 calorias em uma visita ao shopping, o que equivale a andar por uma hora, a 5km/h.

Mas, se esta caminhada for acelerada, a queima de calorias é mais acentuada e pode chegar a 100 calorias em 15 a 25 minutos, sobretudo se você estiver carregando pacotes de presentes. Isso sem falar, é claro, no fato de que os preços em geral são mais baixos que nos shoppings e você não gasta com estacionamento ou gasolina. O segredo, contudo, é rever hábitos, e mantê-los.

Diante dos recentes aumentos no preço dos combustíveis, vale a pena rever a possibilidade de usar mais o supermercado de bairro e fazer as compras a pé. Neste caso, invista em um daqueles carrinhos de feira, que permitem que você carregue peso sem tanto esforço e, é claro, em um sapato confortável.

Útil ao agradável

Mexer com água é algo que acalma, já que ajuda a liberar as tensões de uma rotina exaustiva. Existem várias tarefas domésticas que envolvem o uso de água e ainda permitem que você se exercite ao mesmo tempo em que economiza dinheiro. Porém, não exagere no consumo, senão fará economia de um lado e gastará de outro.

Assim, você pode optar por lavar seu próprio carro no final de semana, o que lhe permitiria economizar algo como R$ 10-15 por lavagem, além de queimar cerca de 100 calorias caso se dedique a tarefa por pelo menos 25 minutos.

Se você tem uma empregada em casa, só porque não quer ter que lavar a louça e arrumar sua cama todos os dias, pode valer a pena rever os seus conceitos. Mesmo que consiga contratar alguém pelo salário mínimo, de R$ 350 mensais, é preciso registrar esta funcionária, efetuar contribuições ao INSS, pagar férias e décimo terceiro, de forma que o custo mensal é bem maior de quase R$ 450.

Ao invés disso, você mesma pode lavar seus pratos e dar uma ajeitada na casa, o que permitiria a queima de algumas calorias, e contratar uma diarista uma vez por semana ou a cada 15 dias. Neste caso, a economia seria de algo entre R$ 150 e R$ 250 no mês!

Maior economia é com saúde

Mas a maior economia de todas será alcançada através da melhora na sua saúde, que estes exercícios irão possibilitar. Ao abandonar o sedentarismo, certamente você irá gastar menos com remédios e visitas ao médico.

Lembre-se que estamos discutindo a possibilidade de uma mudança de hábitos, o que exige esforço, mas os resultados compensam. Ao invés de voltar para a casa e ligar a TV, ou o computador, e jantar algum prato congelado com pouco conteúdo proteico e muitas calorias, por que não aproveitar para arrumar o seu escritório, selecionar alguns livros que há tempos está querendo ler, ou até mesmo procurar uma receita nova na internet?

Para quem tem família, vale investir no trabalho em equipe. Por que não fazer um jantar romântico com o seu marido? Dividam as tarefas: você pode cozinhar, ele lava os pratos; além de mudar a rotina, a nova atividade pode permitir um entrosamento maior entre os membros da família. Envolva seus filhos na lavagem do carro, na manutenção do jardim; peça a ajuda deles na manutenção dos quartos etc.

Todo esforço vale a pena

Assim, como investimento, não desanime se não conseguir queimar muitas calorias, pois cada caloria queimada é melhor do que uma ganha. É melhor ter consistência e manter o hábito de poupar um pouco todos os meses, ou no caso, queimar um pouco, mas todos os dias, do que esperar fazer algo drástico que logo será abandonado.

A tabela abaixo mostra quanto tempo uma pessoa saudável precisa para queimar cerca de 100 calorias em várias atividades domésticas. Também foram incluídas algumas atividades esportivas a título de comparação:

Atividade Tempo em minutos
Subir e descer escada 10-15 minutos
Cortar grama 15-20 minutos
Lavar e encerar carro 20-25 minutos
Limpeza geral ou lavar roupa 20 -25 minutos
Lavar janelas 20-30 minutos
Cozinhar 30 minutos
Varrer 30-35 minutos
Pintar ou passar massa nas paredes 35-40 minutos
Lavar prato e passar roupa 45-50 minutos
Caminhar rapidamente 15-25 minutos
Jogar tênis 20-25 minutos
Andar de bicicleta (5,5 milhas por hora) 20-30 minutos
Aeróbica média 20-30 minutos

Fonte: Site Amigos da Balança e Faculdade de Medicina

Mesmo que a tarefa que você pretende fazer não esteja na tabela acima, certamente implicará na queima de calorias e economia para o seu bolso. Basta ver que, mesmo parado, você queima 120 calorias em uma hora, e que uma noite bem dormida de oito horas pode lhe render a queima de 480 calorias.
Fonte: InfoMoney, 25 de maio de 2006.

2470 pessoas já leram essa notícia  

Perguntas e Respostas relacionadas

Notícias

Ver mais notícias

Perguntas e Respostas

Ver mais perguntas e respostas