1xbet - güvenilir canlı casino - begeni satin al - su kaçağı tespiti - dosya upload - netflix hesap satin al - office 365 satin al - android oyun - bahis siteleri - casino siteleri - güvenilir poker siteleri - casino sitesi - casino giriş - kaçak iddaa - türk porno - esmer sex
Leite condensado falso? Internautas alertam para mudança na composição
< Voltar para notícias
136 pessoas já leram essa notícia  

Leite condensado falso? Internautas alertam para mudança na composição

Publicado em 13/05/2022

Nas redes sociais, internautas debatem as semelhanças entre as embalagens que podem levar o consumidor ao erro

Em meio à polêmica de produtos que levam o consumidor ao erro nos últimos dias, outras embalagens que parecem, mas não são chegam às prateleiras, como é o caso do leite condensado da marca Nestlé, que apresentou uma nova versão: "Mistura láctea condensada de leite, soro de leite e amido".

As diferenças visuais entre os novos lácteos e os produtos já marcantes na memória do consumidor são mínimas. Nas redes sociais, alguns internautas descrevem que o leite condensado ganhou um sósia: "Tem a bonequinha igual, tem o pudim", mas a informação de que é mistura láctea se resume a pequenas letras no final da embalagem.

   

A quantidade de produtos lácteos com definições diferenciadas e aparências similares aumentou. No site da marca, a empresa afirma que é uma opção para substituir o leite condensado com economia.

Procurada pelo O GLOBO, a Nestlé ainda não se pronunciou.

McPicanha e Whopper Costela

No mês passado, os hambúrgueres McPicanha e Whopper Costela, viralizaram nas redes sociais e acabaram sendo alvo de Ministério da Justiça e Procons por, apesar do nome, não terem os cortes das carnes na composição.

De acordo com o Ministério da Agricultura, não basta informar, as embalagens não podem induzir a erro ou engano.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) diz que a apresentação da imagem, por exemplo, de uma fruta, em produto que não contenha este ingrediente pode contrariar as regras sanitárias. Mas a caracterização das irregularidades, destaca a agência, requer “avaliação do conjunto de informações contidas no rótulo, já que podem estar presentes alertas que permitam ao consumidor entender que a imagem apresentada não remete diretamente à composição do alimento”.

Fonte: economia.ig - 12/05/2022

136 pessoas já leram essa notícia  

Notícias

Ver mais notícias

Perguntas e Respostas

Ver mais perguntas e respostas