Visa e Mastercard vão disputar parceria com Caixa em cartões
< Voltar para notícias
370 pessoas já leram essa notícia  

Visa e Mastercard vão disputar parceria com Caixa em cartões

Publicado em 13/06/2019 , por Aline Bronzati

Além de Visa e Mastercard, também estariam no páreo, conforme antecipou a Coluna do Broadcast, no mês passado, a japonesa JCB, com a qual a Caixa já tem parceria, e ainda a chinesa CUP (China Union Pay)

As gigantes do setor de cartões Visa e Mastercard estão de olho na parceria que a Caixa Econômica Federal fará no âmbito da reestruturação do seu braço de cartões. Batizada de CaixaPay, a empresa vai concentrar os braços de bandeira de cartões, que além da Elo, terá outra, maquininhas, cartões pré-pagos e ainda um programa de fidelidade. 

O processo de seleção dos respetivos parceiros, movimento similar ao que a Caixa está fazendo em seguros ainda não teria começado. “A Caixa ainda não começou o processo, mas certamente termos interesse em conhecer os detalhes da parceria”, disse o presidente da Mastercard, João Pedro Paro Neto, a jornalistas, durante o CIAB, tradicional feira de tecnologia bancária, promovida pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban). 

A Visa, que já é parceria da Caixa atualmente, também tem apetite. “Nós vamos participar da concorrência, com certeza”, complementou o presidente da bandeira, Fernando Teles.

Além de Visa e Mastercard, também estariam no páreo, conforme antecipou a Coluna do Broadcast, no mês passado, a japonesa JCB, com a qual a Caixa já tem parceria, e ainda a chinesa CUP (China Union Pay).

No ano passado, as receitas da Caixa na área de cartões somaram mais de R$ 2,7 bilhões, cifra 6,2% maior em relação a 2017. O banco conta com mais de 100 milhões de cartões entre plásticos de débito e crédito e na gestão atual, de Pedro Guimarães, quer impulsionar este segmento. Dentre os lançamentos está um cartão voltado para o crédito consignado, com desconto em folha de pagamento, voltado a aposentados e pensionistas do INSS.

Fonte: Estadão - 12/06/2019

370 pessoas já leram essa notícia  

Notícias

Ver mais notícias

Perguntas e Respostas

Ver mais perguntas e respostas