Golpes com os empréstimos consignados
< Voltar para Dicas Úteis - Cuidado com os Golpes
6020 pessoas já leram essa notícia  

Golpes com os empréstimos consignados

SÃO PAULO - O presidente da Confederação Nacional dos Aposentados e Pensionistas, Hermélio Soares, aconselha os aposentados e pensionistas a não fazerem empréstimos por telefone e nem assinar papéis para que outras pessoas façam qualquer contato com eles.

De acordo com a entidade, após a regulamentação do crédito consignado para aposentados e pensionistas, delegacias e entidades de defesa do consumidor passaram a registrar vários golpes e fraudes envolvendo o uso ilegal de dados pessoais dos clientes.

Não realizar empréstimos para terceiros

Ainda segundo a Confederação, os beneficiários não devem realizar empréstimos para ajudar terceiros, pois isto pode causar prejuízos, uma vez que não há garantia do crédito. Além disso, é preciso pesquisar bastante os juros bancários, para realizar um bom negócio.

Entretanto, para Soares, o empréstimo deve ser visto como última opção, pois resolve momentaneamente o problema da falta de dinheiro. "Durante o período em que o aposentado está pagando o empréstimo ele recebe até 30% a menos do seu salário, o que desarticula completamente suas finanças", alerta.

De acordo com normas da Previdência Social que regulamentam os empréstimos a aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), o prazo máximo para quitar a dívida é de 36 meses e o percentual máximo permitido para os juros cobrados dos aposentados é de 2,9%.

Fonte: InfoMoney, 12 de junho de 2006. Na base de dados do site www.endividado.com

6020 pessoas já leram essa notícia  

Perguntas e Respostas relacionadas

Notícias

Ver mais notícias

Perguntas e Respostas

Ver mais perguntas e respostas