Gigante do setor de telecom pretende utilizar tecnologia por trás do Bitcoin para cortar custos
< Voltar para notícias
89 pessoas já leram essa notícia  

Gigante do setor de telecom pretende utilizar tecnologia por trás do Bitcoin para cortar custos

Publicado em 17/04/2018

"Isso provocará um impacto enorme sobre as cadeias de abastecimentos dos setores", afirmou chefe de tecnologia da Samsung"

  SÃO PAULO - A Samsung, considerada a maior fabricante de smartphones do mundo, está avaliando utilizar o blockchain (tecnologia por trás do Bitcoin) para gerenciar sua cadeira de abastecimento e, com isso, cortar custos com distribuição em até 20%.

"Isso provocará um impacto enorme sobre as cadeias de abastecimentos dos setores e é uma plataforma fundamental para alimentar nossa transformação digital", assim revelou Song Kwang-woo, chefe de tecnologia e especialista em blockchain na gigante do setor de telecom em entrevista para a Bloomberg nesta segunda-feira (16).

Segundo o executivo, o sistema deve ajudar a coreana a reduzir o gargalo entre os lançamentos dos produtos e as entregas para os clientes, o que, além de gerar maior satisfação aos consumidores, deixará a empresa um passo a frente dos seus concorrentes: "trata-se da maximização da eficiência da oferta e da visibilidade, o que se traduz em uma confiança maior do consumidor", conforme avaliou Cheong Tae-su, professor de Engenharia Industrial da Universidade da Coreia.

Por conta da notícia que promete reduzir seus custos, as ações da Samsung fecharam em alta de 1,1% na bolsa do Japão, enquanto o índice Nikkei encerrou o pregão em ligeira alta de 0,26% nesta segunda-feira, aos 21.835 pontos.

Fonte: InfoMoney - 16/04/2018

89 pessoas já leram essa notícia  

Notícias

Ver mais notícias

Perguntas e Respostas

Ver mais perguntas e respostas